Educamp leva alunos das escolas municipais para aprender sobre agricultura no IFC

Por Catherine Kuehl
11/07/2018 16:09

Cerca de 120 alunos das turmas de primeiro do fundamental de sete escolas municipais de Araquari visitaram, nesta terça-feira, 11, o Instituto Federal Catarinense campus Araquari (IFC) para conhecer as Unidades de Ensino e Aprendizagem (UEAs) de bovinocultura e suinocultura, ver de perto o manejo dos animais e como é feito a produção do leite, desde a criação do bezerro até a industrialização do produto. No final, as crianças provaram o queijo e o doce de leite feitos a partir do leite produzido no campus.

A visitação faz parte do “Educamp - Educando no Campo”, projeto realizado a partir de uma parceria entre o IFC e a Secretaria de Educação de Araquari, com o objetivo de apresentar as UEAs do Campus de Araquari e  demonstrar os manejos utilizados no campo. O Educamp é um projeto de extensão desenvolvido pelas alunas da terceira fase do curso de veterinária Manoela Furtado, Maria Eduarda Kuhnen Rieg, Maria eduarda Rosa, Bruna Correia e Emanoelle Regina Rosa, sob a orientação do professor Maurício Lehmann.

Natali Cristina Campos tem sete anos e nunca tinha visto um bovino de perto, mas conta que não sentiu medo durante o passeio. “A minha parte favorita foi conhecer a comida preferida da vaca”, afirma a aluna da Escola Municipal Francisco Jablonsky, referindo-se a silagem, alimento a base de milho usado para complementar a alimentação de vacas leiteiras. De acordo com Grasiane Tambosi Sbardelatti, professora da Natali, é importante para o desenvolvimento das crianças o contato com diferentes tipos de animais. “Principalmente para as que passam bastante tempo dentro de casa ou para as que só têm contato com cachorros e gatos”, constata a professora.

Os alunos irão conhecer cinco UEAs, bovinocultura, suinocultura, fruticultura, plantas medicinais e produtos agroindustriais. As visitas serão divididas por grau de dificuldade. Por exemplo, na visitação sobre produtos agroindustriais, os estudantes dos últimos anos do fundamental irão conhecer como é feito o queijo e o doce de leite. “Deixamos para os terceiros e quartos anos por terem máquinas e alguns equipamentos que os pequenos talvez tivessem um pouco mais de dificuldade para mexer”, explica a acadêmica Manoela, organizadora do projeto.

O Educamp veio de um trabalho desenvolvido na disciplina de bem estar animal e sociologia. “No trabalho, tínhamos que aproximar a comunidade dos animais”, relembra Manoela. Assim surgiu o “De Onde vem o Leite?”, projeto realizado em 2017, que consistia em organizar visitas à UEA de bovinocultura, para que as turmas dos  primeiros anos do fundamental acompanhassem todo o processo de produção do leite. “Começamos esse projeto ano passado, mas ele era bem menor, nem pretendíamos continuar. Porém, como deu muito certo, decidimos prosseguir”, comenta a estudante. Este ano, o Educamp virou projeto de extensão do curso de veterinária, foi estendido para todos os anos do fundamental e mais quatro UEAs foram incluídas.

Segundo Manoela, o projeto também visa a divulgação do IFC entre os moradores de Araquari, por isso, é oferecido às turmas do fundamental das escolas municipais. “Quando começamos a pesquisa, vimos que muitas crianças da cidade, e até mesmo os pais, não conhecem a escola”, ressalta Manoela. “Achamos legal fazer com escolas de Araquari para que as crianças já vejam que podem fazer o ensino médio e a faculdade aqui, onde elas moram”, completa.

Download das fotos em alta resolução
Carregando